Tripla aprendizagem : Higiene de Aparelho fixo, acabando com a espinha e cuidando de roupas novas

15:12:00

Oi , oi .
Bom , hoje eu vou falar de três coisas no mesmo post , isso porque essas três coisas tem ... digamos ... não tem taaaaaaaaaaaanta informação assim para fazer um post completo sobre .
São três coisas que eu vim falar

* Como escovar os dentes com aparelho fixo
* O que fazer quando aquela espinha aparece na hora errada
* Como cuidar de roupas novas

-Como escovar os dentes com aparelho fixo,
Essa é bem fácil e a maioria dos post que eu vi falando sobre isso ,é basicamente o que seu dentista deve ter falado escovar com escova normal e depois com aquela com cabeça pequena e cerdas macias e passar fio dental , algumas pessoas preferem passar fio dental com a ajuda do passa fio eu não vejo tanta necessidade assim . É só pegar o fio passar entre os dentes e entre o aparelho, limpar e tirar , com cuidado , sempre! E usar aqueles líquidos que eu esqueci o nome que deixa o frescor na boca e limpa . ( Dica do meu dentista haha)

-O que fazer quando aquele espinha aparece na hora errada,
Basicamente , antes da espinha aparecer , cuide da sua pele , hidrate , faça esfoliação, e se sua pele for oleosa não finja que ela é seca ou normal , se ela é oleosa , ela é, ponto. Não passe hidratantes oleosos ou que vc acha q deixa sua pele oleosa, com aquele aspecto de suada sabe ? Não use. Eu tenho a pele oleosa, e toda pele oleosa precisa de hidratação , mas uma hidratação leve,sabe ? Eu pensei que sei lá , minha pele pode não estar tão lisinha e bem tratada por causa de hidratantes, eu passo pouco , só tenho um que eu realmente gosto e os outros são oleosos pra caramba , dai eu estava usando ele só a noite, por causa do aspecto oleoso que ele deixava na minha pele , acontece que quatro dias depois de eu usar apenas a noite o tal creminho , eu enchi de espinha , uma sumia outra aparecia , fiz esfoliação , hidratação ( do modo certo ) passei gel secativos , tudo . Dai parou , eu parei de usar também ,claro!

  O que eu aprendi ? Nenhum site que eu visito me chamou a atenção para não passar qualquer hidratante, claro que sempre tinha aquelas dicas e qual tipo certo de hidratante para cada pele , mas talvez por não falar das consequências eu não liguei tanto assim para isso. Enfim , então ta ai a consequência e a experiência , vou dar o creme para minha mãe ( ela tem a pele seca) porque vai dar certinho para ela. Agora eu comprei o BB Cream da Maybeline , eu ainda não experimentei do meu para sair , só experimentei na loja e super aprovei o resultado e as meninas que eu mostrei também . Bom eu indico aquelas creminhos hidratantes que ''sugam'' a oleosidade de pele e aqueles de efeito mate e aqueles com textura fininha que não deixa a pele oleosa. Então se sua pele é oleosa , use produtos que não deixem que ela fique com aspecto pior, ok ?

Bom , achei uma receitinha na capricho que eu gostei bastante , tem todos aqueles cuidados ANTES da espinha aparecer , mas e se depois de tudo ela aparecer? Nos casos mais especiais vale passar o corretivo em cima , mas não é todo dia viu ? Se não pode piorar o estado da espinha e da sua pele, porque com uma massa em cima da espinha(corretivo) ela não pode respirar bem . Mas e se a espinha ainda continuar lá ? Dando um oi , é melhor espremer ela , mas com alguns cuidados

  1. Molhe um pedaço de algodão em água quente e coloque por um minuto em cima da espinha. Assim ela amolece e será mais fácil tirar a parte com pus sem agredir demais a pele.
  2. Enrole os dedos numa gaze e esprema em devagar, sem fazer muita pressão. Cuidado! Não use os dedos ou as unhas diretamente na espinha na hora de espremer. As bactérias na sua mão podem infeccionar a pele e piorar o que já estava ruim.
  3. Depois de espremer a espinha, lave bem o rosto com água e um sabonete adequado ao seu tipo de pele (isso é importante para que não fique nenhum resíduo com bactérias!).
  4. Aplique uma loção secativa, espere a pele dar uma “acalmada” (desinchar um pouco, ou sair a vermelhidão) e faça seu make normalmente a partir daí.
Fonte da receitinha : Capricho


-Como cuidar de roupas novas e semi-novas e deixá-las em bom aspecto a vida inteira?
Bom , eu achei essa matéria da Magazine Luiza muito legal e tem alguns pontos que vale citar

A primeira dica é: leia e respeite as instruções que estão na etiqueta das roupas, elas são importantes para conservação e durabilidade da peça por mais tempo.
Quando chega o verão, as roupas de inverno devem ser guardadas com todo cuidado, pois o verão passa e quando ficar frio de novo você não quer ter desagradável surpresa de pegar uma roupa no armário que não estava manchada e, de repente, ter uma mancha permanente nela, quer?

Confira as dicas

A regra básica é: usou, lavou. Se as peças foram guardadas sujas, depois do uso adquirem manchas pela oxidação, mofo e ácaros. Roupas de uso pessoal e lãs, mesmo que pareçam limpas, carregam suor, vestígios de maquiagem, poluição, poeira e, muitas vezes, respingos de alimentos, que causam manchas - até desodorantes propiciam manchas com o tempo.
Guardadas, as peças sofrem a ação do tempo e oxidam. Antes de usar, as peças de inverno precisam igualmente ser lavadas para que as pessoas não fiquem em contato com a poeira, o mofo e os ácaros adquiridos quando estiveram guardadas.

Não guarde edredons, cobertores e peças de lã em sacos plásticos porque essas peças transpiram e mofam. O plástico abafa as peças, fazendo com que elas não respirem e tornem o ambiente propício a bactérias, fungos e demais seres responsáveis pelas alergias. O ideal é proteger tudo com capas de TNT - Tecido-não-tecido ? que permite ventilação.
A regra do usou, lavou vale também para colchas e edredons, a diferença é que se deve evitar (ao máximo) lavar e secar edredons e colchas de matelassê em máquinas de lavar domésticas. Estes artigos são muito volumosos e o atrito com as paredes e o agitador das lavadoras provoca desgaste do tecido e desbotamento das cores localizadas. Além disso, a manta que recheia estes artigos sempre perde volume após ser lavada e secada. E nunca passe edredons e colchas de matelassê. O calor e o peso do ferro de passar diminuem o volume da manta.
As roupas de verão são mais fáceis porque elas devem ser mais leves, finas, folgadas, de preferência de algodão de modo a permitir uma maior ventilação e facilitando a evaporação do suor que devido ao calor aumenta. Tecidos sintéticos, como lycra, devem ser evitados, principalmente nas roupas de baixo. Na hora de lavar as lingeries e tecidos delicados com elástico na máquina de lavar coloque-as em sacos próprios para lavagem ou dentro de uma fronha amarrando o lado aberto da capa e realizando o processo de lavagem todo em ciclo suave, assim suas roupas ficarão protegidas.

Antes de lavar as roupas em máquinas, para a lavagem automática, procure sempre esvaziar bolsos, fechar zíperes, virar a roupa do avesso, levantar colarinhos e abrir botões. Utilize água fria e não sobrecarregue a máquina, pois excesso de peças na máquina aumenta o atrito entre elas, ocasionando desbotamento e desgaste do tecido. Nunca coloque as peças dobradas já que os locais das dobras sofrem maior atrito, aumentando o desgaste do tecido e o desdobramento nestas áreas.
,
A velha dica que as roupas devem se separadas por tonalidade é verdade: evita manchas e mantém as cores mais brilhantes e bonitas. Também devem ser separadas por tipo de tecido, exemplo, algodão/poliéster com artigos de tecido 100% algodão, o atrito entre esses tecidos provoca a formação de bolinhas (pilling).
Sabão em pó e amaciante não devem ser usados em excesso, pois provocam manchas e desbotamento. Produtos que contenham cloro (água sanitária) causam a destruição dos corantes, manchas brancas, enfraquecimento do tecido, apodrecimento da fibra de algodão, destruição dos branqueadores causando amarelamento.

Não deixe os artigos de molho por tempo prolongado, para evitar a perda do brilho das cores. Sempre que possível, lave as peças coloridas à mão com detergentes neutros. Produtos líquidos são mais eficazes, já que dissolvem melhor na água, não se prendendo à vestimenta.

Ao usar secadoras, evite amontoar um número grande de peças, separando-as em pequenos grupos aos quais devem permanecer dentro do aparelho por pouco tempo. As roupas brancas devem ser lavadas em primeiro lugar, com sabão dissolvido em água fria. Se possível lave-as à mão com sabão de coco em pedra.
Ao secar, pendure-as do lado avesso em locais com sombra. Quando for guardar essas peças atente para o ambiente do seu armário. Caso possua closets, retire lâmpadas fluorescentes, as quais podem deixar manchas. Evite guardá-las em sacos plásticos, a mesma dica das roupas de inverno: guarde em sacos de TNT que ajudam na proteção de pó e raios de luz.
E nunca se esqueça de manter a máquina de lavar limpa, pois é fundamental para o resultado de suas lavagens. Pelo menos uma vez ao mês encha-a com água, adicione 3 litros de vinagre branco e acione o ciclo para que seu interior seja bem higienizado.
Ao passar as roupas, o tipo de tecido define a temperatura adequada; esta informação você encontrará na etiqueta interna da peça. Com essas dicas, paciência e sem pressa você pode manter seu guarda-roupa repleto de peças sempre em ótimo estado e cara de roupa nova?

Fonte: http://www.magazineluiza.com.br/portaldalu/roupas-sempre-novas/3309/

Bom espero que eu tenho ajudado com essas dicas , com essa tripla aprendizagem 



You Might Also Like

0 pessoas lindas opinaram neste post

Curta a página do Blog

Meus vídeos no YouTube