Uma conversa sobre sensações , momentos e felicidade - Isabelle Santana

14:56:00



Curtir é fácil!  Ter um milhão de curtidas ? Fácil!
Quero ver , você ter mil comentários que prestem , que te acrescentam alguma coisa. Quero ver você tocar as pessoas a ponto de fazê-las parar o que estão fazendo para escrever um comentário. Bom comentário! Quero ver você postar algo que mude as pessoas, que mexa com elas, ajude elas de alguma forma. Uma carinha bonita , todo mundo pode ter (é só saber mexer no photoshop ) , mas saber acrescentar alguma coisa boa na vida das pessoas. Isso sim, é difícil.
Porque se produzir artificialmente, de uma maneira que até você mesma não se reconheça, para tirar uma foto , postar e esperar  ficar famoso(a), - ganhar milhões, ficava rico(a), viver viajando por aí. – Pousa Isabelle! Pousa! Não é exagero não. Muita gente pensa assim, eu já pensei.
O engraçado é que um dia , eu fui fundo; me imaginei rica, com a vida dos $onho$, nadando em dinheiro, fui longe mesmo, viajei bonito nos pensamentos. Minha imaginação fluiu bem , até que , chegou em um ponto, em que eu me perguntei. E dai?
Se eu viajasse, o mundo inteiro? Seria incrível? Seria.
Seria incrível, poder conhecer  pessoas boas, em que eu possa confiar. Parar alguns instantes e olhar para as estrelas. Acompanhar o eclipse. Conversar com pessoas que amo. Ver a natureza, me aventurar por aí, em um lugar novo, sair da zona de conforto. Isso sim , seria demais. E para isso, eu não precisaria estar nadando em dinheiro. A gente pode sair da zona de conforto, levantando o bumbum da cama, largando o celular e indo a um bairro diferente, um bairro legal, ou uma cidade, e quem sabe , viajar de país , continente? Por que não? Se essa for uma prioridade, podemos trabalhar, nos esforçar e ir onde quereremos ir.  
O que eu quero dizer é que, o dinheiro não é felicidade. O momento é. Seria extremamente ignorante em dizer que dinheiro não importa. Porque importa. E muito! Mas , ser rico, ou rica, não é sinônimo de felicidade. O único dono da nossa felicidade , somos nós.
Minha mãe sempre diz que o lugar não faz um momento ficar melhor ou pior.
Nós podemos transformar qualquer lugar em cenário dos melhores momentos da nossa vida.
O que eu quero dizer, é que é legal , conhecer pessoas novas, lugares novos, culturas novas.
É legal juntar dinheiro para isso, para realizar seus sonhos. A vida capitalista é assim.
Mas,entenda que o que traz felicidade , são os momentos que vivemos, momentos que estamos felizes, junto ás pessoas que amamos, fazendo coisas que nós amamos. E se quisermos investir dinheiro em nossos sonhos, está bem. Não faz mal. Mas deixei seus sonhos  falarem mais alto que a necessidade por status, curtidas, a qualquer preço.
Não vale a pena ser rico, e infeliz , ser o mais curtido nas redes e trocar seus sonhos por coisas da moda que você nem mesmo se interessa.

Não vale a pena, valorizar o que vai embora com facilidade. Valorize sensações, momentos, sentimentos, pessoas, isso sim é de valor. E não tem preço. Não está à venda. E o melhor de tudo. É de graça. 

You Might Also Like

0 pessoas lindas opinaram neste post

Curta a página do Blog

Meus vídeos no YouTube